Muitos pais falham ao nível da segurança das cadeiras para crianças para veículos automóveis

Fonte:

 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

 

De acordo com a informação coligida em 2009 e em 2010 pela Safe Kids USA, a segurança das cadeiras para crianças para veículos automóveis está a melhorar, mas ainda existem áreas que suscitam preocupação. O grupo realiza eventos para avaliação das cadeiras para crianças para veículos automóveis em todo o país. Alguns dados foram promissores. Praticamente todas as cadeiras eram instaladas na direcção correcta, viradas para trás ou viradas para a frente. Muitas crianças com peso entre os 9 e os 18 kg ainda eram sentadas viradas para trás, tal como é recomendado pela Safe Kids e pela American Academy of Pediatrics. Mas as cadeiras que eram instaladas com um cinto de segurança, em alternativa à utilização do sistema de fixação LATCH(um sistema de segurança para crianças em automóveis obrigatório nos EUA e Canadá), eram frequentemente instaladas incorrectamente. E a maior parte das cadeiras viradas para a frente não utilizavam a fixação superior que prende a parte superior da cadeira. Os acidentes de viação constituem a causa principal de morte nas crianças com idade compreendida entre os 3 e os 14 anos. A utilização adequada das cadeiras para veículos automóveis reduz o risco de morte de uma criança em consequência de um acidente de viação em mais de metade. Um cinto de segurança de um adulto, por si só, sem uma cadeira de criança, é apropriado para as crianças com peso igual ou superior a 36 kg e com mais de 145 cm de altura. A Safe Kids publicou este relatório em 15 de Setembro e o USA Today divulgou-o no mesmo dia.

Qual é a reacção do médico?

Por vezes pode parecer é necessária uma licenciatura em engenharia para colocar uma cadeira para crianças num automóvel.

Cada uma delas é diferente. A instalação da mesma cadeira pode ser diferente dependendo da sua colocação, virada para a frente ou para trás. A maior parte dos carros possui actualmente dispositivos aos quais é suposto prender as fixações e outras partes da cadeira para crianças ― mas isso não acontece em todas as viaturas e nem sempre é fácil compreender como deve ser fixada a cadeira. E, em seguida, depois de ter sido fixada adequadamente a cadeira ao carro, é necessário compreender como se deve ajustar os cintos para que o seu filho fique preso de uma forma segura.

Assim, não é de surpreender que um estudo publicado na semana passada pela Safe Kids USA tenha revelado que um número extremamente elevado de pais está a colocar as cadeiras de forma inadequada.

O estudo analisou os dados de 79.000 inspecções a cadeiras de segurança para crianças realizadas em centros de inspecção em todo o país. Pode considerar-se que este grupo de pessoas apresenta uma maior probabilidade de ter cometido erros ― no fundo, elas dirigiram-se a um centro de inspecção de cadeiras de segurança para crianças para obter ajuda. Isto é possível ― mas muitas pessoas que se deslocam a estes centros são pais, avós e outros prestadores de cuidados altamente motivados que se querem certificar de que estão a colocar a cadeira da forma correcta.

Alguns dos achados do estudo foram os seguintes:

  •  Menos de um terço das cadeiras para crianças para veículos automóveis viradas para a frente utilizava a fixação superior. Esta fixação prende-se a um fecho no carro e ajuda a segurar as costas da cadeira. Dos que utilizaram esta fixação superior, apenas 59% estavam a usá-la correctamente.
  • A utilização correcta dos cintos de segurança para prender a cadeira foi igualmente difícil para as pessoas. Apenas cerca de um terço das cadeiras de bebé apresentavam os cintos de segurança colocados de forma correcta. Este número aumentou para um pouco menos de metade nas cadeiras viradas para a frente com um arnês e para pouco mais de metade nas cadeiras viradas para trás conversíveis.
  • Apenas cerca de metade das cadeiras de bebé, das cadeiras viradas para trás conversíveis e das cadeiras viradas para a frente com arnês tinham a fixação interior colocada correctamente.
  • A colocação correcta do arnês era igualmente difícil. Apenas 28% das cadeiras de bebé sem base tinham o arnês colocado de forma adequada. Este número subia para 46% nas cadeiras viradas para a frente com arnês e para 53% nas cadeiras de bebé com base e atingia a percentagem mais elevada, de 62%, nas cadeiras viradas para trás conversíveis.
  • Muitas crianças estavam a ser mudadas para assentos elevatórios quando estariam mais seguras numa cadeira para criança.

Que alterações poderei efectuar agora?

Os acidentes de viação matam crianças. De facto, de acordo com a National Highway Traffic Safety Administration, os acidentes de viação constituem a principal causa de morte nas crianças com idade compreendida entre os 3 e os 14 anos. As cadeiras para crianças para os veículos automóveis podem fazer uma grande diferença ― mas isso já não acontece se não estiverem instaladas correctamente.

Assim, é realmente importante não só utilizar a cadeira para crianças como também instalá-la correctamente. Felizmente, existem formas de obter ajuda quando surgem dificuldades. Eis algumas sugestões:

  • Planeie com antecedência. Não espere até ao momento em que tem de colocar a criança numa cadeira para automóvel para procurar instalá-la. Se tiver dúvidas, pode não ser capaz de obter ajuda com a brevidade necessária.
  • A Safe Kids USA e a National Highway Traffic Safety Administration dispõem de informações excelentes sobre a instalação das cadeiras para crianças nos veículos automóveis.
  • Quando adquirir uma cadeira para crianças nova para automóvel, pergunte se pode experimentá-la primeiro ― muitas lojas dispõem de modelos de demonstração. Embora teoricamente as cadeiras para crianças para veículos automóveis devam adaptar-se a qualquer viatura, por vezes podem existir incompatibilidades que dificultam a sua instalação.
  • Uma vez que cada veículo automóvel é ligeiramente diferente dos restantes, deve ler não só as instruções de instalação da cadeira para crianças como também o manual de instruções da sua viatura antes de instalar a cadeira.
  • Se for a um centro de inspecção de cadeiras para crianças ou a um evento para avaliação da fixação correcta das cadeiras para crianças, não se limite a aguardar que os técnicos instalem a cadeira por si. Experimente fazê-lo por si próprio. Pode vir a necessitar de reinstalar a cadeira, pelo que deve saber como o fazer.
  • As cadeiras para crianças para veículos automóveis têm, na realidade, prazos de validade! Elas são geralmente adequadas durante cerca de seis anos. E não devem ser utilizadas se tiverem estado envolvidas num acidente. É tentador utilizar uma alcofa de um amigo ou comprar uma cadeira em segunda mão. Mas não deve realmente fazê-lo, a menos que saiba exactamente quanto tempo tem e se tiver a certeza de que não esteve envolvida num acidente de viação. A cadeira deve igualmente trazer o manual ou deve ser possível aceder ao manual na Internet.

O que poderei esperar ao olhar para o futuro?

É de esperar que este estudo constitua uma chamada de atenção para todas as pessoas que utilizam cadeiras para crianças nos automóveis ― e que leve um maior número destas pessoas a certificarem-se de que estão a utilizar estas cadeiras de forma correcta!

Se isso acontecer, o estudo irá certamente salvar vidas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: