O risco de acidente vascular cerebral é mais elevado na pré-hipertensão

Fonte:

 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

 


Uma análise da investigação mostra que mesmo uma pressão arterial que se situa imediatamente abaixo dos valores considerados “elevados” pode aumentar o risco de acidente vascular cerebral. Uma medição normal da pressão arterial situa-se abaixo de 120/80 mmHg. Uma pressão arterial elevada é igual ou superior a 140/90 mmHg. A pré-hipertensão situa-se entre os valores de pressão arterial normais e elevados. Um estudo recente coligiu os resultados de 12 estudos prévios. Eles incluíram mais de 500.000 pessoas sem história de doença cardíaca ou de acidente vascular cerebral.

Durante os estudos, as pessoas com pré-hipertensão apresentavam uma probabilidade 55% superior de sofrer um acidente vascular cerebral em comparação com as pessoas com uma pressão arterial mais baixa. Isto foi verdade mesmo depois dos números terem sido ajustados para tomar em consideração os hábitos tabágicos e outros factores que aumentam o risco de acidente vascular cerebral. Em seguida, os investigadores dividiram as pessoas com pré-hipertensão em dois grupos. Eles verificaram que o risco de acidente vascular cerebral se encontrava aumentado apenas nos indivíduos que se situaram próximo do limite superior da pré-hipertensão. As suas medições da pressão arterial situavam-se entre 130/85 mmHg e 139/89 mmHg. Estes valores encontram-se apenas alguns pontos abaixo dos considerados como pressão arterial elevada. A revista Neurology publicou o estudo na Internet em 28 de Setembro e o USA Today e a HealthDay News escreveram sobre ele.

Qual é a reacção do médico?

A pressão arterial normal era anteriormente considerada como qualquer valor situado abaixo de uma medição de 140/90 mmHg. Mas durante a última década compreendemos que normal não significa saudável.

Uma pressão arterial superior a 120/80 mmHg aumenta o risco de que aconteça alguma coisa de mal à pessoa em comparação com os indivíduos que apresentam uma pressão arterial mais baixa. Para tomar este facto em consideração, foi definida uma nova categoria: a de pré-hipertensão.

O conceito de pré-hipertensão corresponde a uma medição da pressão arterial entre 120/80 mmHg e 139/89 mmHg. A definição de pressão arterial elevada (hipertensão) não se alterou, sendo o seu limite inferior ainda de 140/90 mmHg.

A criação de uma categoria denominada pré-hipertensão suscitou muitas dúvidas. Será uma verdadeira doença? Será que pegámos agora em pessoas que considerávamos saudável e que os fizemos pensar que podem ter uma doença? Os números são astronómicos. Estima-se que 25% dos americanos apresentam pré-hipertensão.

Na realidade, a pré-hipertensão não é uma doença, mas confere-lhe um risco mais elevado de desenvolver doença cardíaca e acidente vascular cerebral em comparação com uma pessoa que apresenta medições da pressão arterial inferiores a 120/80 mmHg.

Este estudo vem acrescentar evidência adicional para o motivo pelo qual necessitamos de levar a sério a pré-hipertensão. A revista Neurology publicou o estudo na Internet. Investigadores analisaram múltiplos estudos que incluíram mais de 500.000 pessoas e verificaram que a pré-hipertensão aumentou o risco de acidente vascular cerebral.

Em seguida, analisaram os dados mais pormenorizadamente e notaram duas coisas que têm importância do ponto de vista prático:

  • Os valores da pressão arterial próximos do limite inferior, entre 120/80 mmHg e 129/83 mmHg, não estavam associados a um risco mais elevado de acidente vascular cerebral. O risco mais elevado foi observado nas pessoas que tinham medições iguais ou superiores a 130/85 mmHg.
  • A pré-hipertensão nos idosos NÃO aumentou, por si só, o risco de acidente vascular cerebral.

Que alterações poderei efectuar agora?

Possivelmente devemos abandonar a noção de que uma pressão arterial normal corresponde a um conjunto de valores específicos. Em vez disso, necessitamos ter em consideração se uma determinada pressão arterial é desejável uma certa pessoa.

Por exemplo, se tiver um colesterol elevado e se fumar, necessita definitivamente de ter a pressão arterial mais baixa que consiga alcançar. Não existe um objectivo específico no que diz respeito aos valores até onde se deve baixar a sua pressão arterial. Não estou a sugerir que comece a tomar medicamentos para reduzir a pressão arterial se as suas medições forem inferiores a 140/90 mmHg.

As alterações do estilo de vida são o caminho a seguir. Em primeiro lugar, se fumar, deixar este hábito constitui a principal prioridade.

Ouve isto vezes sem conta, mas a dieta e o exercício físico resultam realmente.

  • Procure manter um peso saudável.
  • Os vegetais e a fruta devem constituir metade de cada refeição. As batatas não contam como vegetal.
  • A outra metade deve conter proteínas saudáveis e hidratos de carbono constituídos por cereais integrais.
  • Reduza a ingestão de sal. Utilize uma quantidade ligeiramente menor de sal todos os dias e rapidamente irá apreciar os alimentos tanto quanto gostava antes.
  • Beba água em vez de bebidas açucaradas.
  • Mantenha-se fisicamente activo, tanto quanto puder, todos os dias.
  • Pratique pelo menos 30 minutos de exercício físico de intensidade moderada na maior parte dos dias da semana.

Estas alterações irão não só reduzir a pressão arterial como irão também, quase de certeza, reduzir o seu colesterol total. E o mais importante é que estas alterações irão reduzir o seu risco de acidente vascular cerebral, de ataque cardíaco, de insuficiência cardíaca, de diabetes e de insuficiência renal.

O que poderei esperar ao olhar para o futuro?

Podemos atrasar o aumento rápido do número de pessoas que vivem com uma doença crónica. Mas necessitamos de levar a sério as mensagens de seguir uma alimentação saudável e de realizar exercício físico. Isto é especialmente verdade para os nossos filhos.

21 de Outubro de 2011

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: