A vigilância da pressão arterial no domicílio pode predizer o risco cerebral

Fonte:

Tradão e Edição de Imagem Científica:

Um estudo recente sugere que a monitorização da pressão arterial no domicílio pode revelar quais os adultos idosos que apresentam um risco mais elevado de desenvolverem uma forma de demência. O estudo incluiu 72 pessoas com uma média etária de 82 anos. Os médicos efetuaram dois exames. Cada pessoa usou um monitor durante 24 horas, o qual avaliou a pressão arterial com intervalos regulares, de dia e de noite. Os indivíduos foram igualmente submetidos a uma ressonância magnética nuclear cerebral. Eles efetuaram novamente os mesmos testes dois anos mais tarde. Na ressonância magnética, os investigadores procuraram identificar a presença de pontos brancos conhecidos por hiperintensidade da substância branca. Estes pontos eram sinais de lesão dos vasos sanguíneos de pequeno calibre. Eles foram associados a uma redução da memória e das capacidades de raciocínio. A medição da pressão arterial no domicílio de algumas pessoas agravou-se durante o estudo com dois anos de duração. Essas pessoas tenderam a apresentar mais pontos brancos no cérebro do que as pessoas com uma pressão arterial mais baixa. Elas apresentaram igualmente piores resultados nos testes para avaliação da função mental. Mas a pressão arterial medida no consultório do médico não estava associada a pontos brancos ou a declínio mental. A revista Circulation publicou o estudo e a HealthDay News escreveu sobre ele em 21 de novembro.

Qual é a reação do médico?

Há não muito tempo, a única forma que podia utilizar para avaliar a sua pressão arterial era consultar o médico para que ele procedesse a essa avaliação no seu consultório. Atualmente pode fazê-lo no domicílio. Isto é mais cómodo e proporciona-lhe, a si e ao seu médico, uma noção mais fidedigna da sua pressão arterial.

A pressão arterial pode ser avaliada no domicílio de diversas formas:

  • O médico pode pedir uma monitorização ambulatória da pressão arterial durante 24 horas. A pessoa usa um dispositivo durante um dia e uma noite inteiros e ele avalia automaticamente e regista a pressão arterial durante muitas vezes durante as 24 horas.
  • A pessoa pode medir, ela própria, a pressão arterial no domicílio por meio de um aparelho eletrónico.

A pressão arterial varia ao longo do dia. Normalmente, ela apresenta-se mais elevada durante o dia e desce durante a noite. A pressão arterial tende igualmente a descer imediatamente após as refeições. Nessa altura é necessário mais sangue no estômago e nos intestinos para digerir os alimentos, pelo que vai menos sangue para os braços e para as pernas.

No passado, os médicos apoiavam-se apenas nas medições da pressão arterial efetuadas no consultório para diagnosticar a pressão arterial elevada (hipertensão) e para prescrever o tratamento. Muitos estudos demonstraram que a monitorização da pressão arterial no domicílio é preferível se for realizada de forma correta e se forem mantidos registos cuidadosos das medições.

Os riscos de acidente vascular cerebral e de doença cardíaca devido à manutenção da pressão arterial elevada de forma prolongada são conhecidos desde há décadas. Mas outros órgãos sofrem igualmente lesões, incluindo os olhos e os rins.

Um risco menos conhecido da hipertensão arterial é a perda de memória e as alterações do raciocínio. Na sua forma clínica, esta situação é denominada de demência vascular. A pressão arterial sistólica é o número mais elevado na medição da pressão arterial. Se a pressão arterial sistólica permanecer elevada, pode lesar os vasos sanguíneos de pequeno calibre no cérebro. Assim, áreas de pequenas dimensões no cérebro perdem a função ao longo do tempo.

Quando um grande número de vasos sanguíneos de pequeno calibre é lesado, podem ser observadas manchas numa tomografia computorizada. Mas a ressonância magnética nuclear constitui uma forma mais fidedigna de avaliar a quantidade de lesões.

Na ressonância magnética nuclear, as partes do cérebro lesadas pela doença dos pequenos vasos apresentam-se como manchas brancas. Uma pessoa com mais manchas brancas apresenta uma maior probabilidade de ter uma diminuição da memória e de outras funções cerebrais em comparação com uma pessoa com manchas brancas em menor número ou ausentes.

Neste estudo, a pressão arterial foi medida através de uma monitorização no domicílio durante 24 horas. As pessoas com pressão arterial elevada apresentavam mais pontos brancos na ressonância magnética nuclear cerebral. Os investigadores testaram igualmente as pessoas por meio de questões padronizadas para avaliar o estado mental. As pessoas com pressão arterial sistólica dentro dos limites normais tinham menos pontos brancos e tenderam a apresentar um melhor desempenho nos testes do estado mental.

Que alterações poderei efetuar agora?

A monitorização da pressão arterial no domicílio é segura e eficaz. Se dispuser do seu próprio aparelho, uma pessoa pode medir a pressão arterial múltiplas vezes durante o dia. Eis como pode obter uma boa medição de base da sua pressão arterial em “repouso”:

  • Evite as bebidas com cafeína ou alcoólicas e não fume durante os 30 minutos que precedem a medição.
  • Não meça a pressão arterial imediatamente após uma refeição pesada.
  • Sente-se calmamente durante cinco minutos com as costas apoiadas e com os pés apoiados no chão.
  • Apoie o braço de forma que o cotovelo fique ao nível do coração.
  • Coloque a braçadeira bem ajustada sobre a pele e não sobre o vestuário.
  • Não fale durante a medição ou entre as medições.

Deve igualmente efetuar medições noutras ocasiões. Isto permite-lhe ver o que acontece com a sua pressão arterial em diferentes condições. Mantenha um diário das medições. Depois de cada medição, anote como se sentia e o que estava a fazer.

É especialmente útil medir a pressão arterial se sentir tonturas. O médico irá querer saber se a sua pressão arterial fica demasiado baixa em determinadas ocasiões. Por exemplo, se sentir tonturas quando se põe de pé, avalie a pressão arterial tanto sentado como de pé. A pressão arterial baixa pode causar visão turva, confusão mental, tonturas, fraqueza, desmaios e quedas.

Compre um aparelho eletrónico. Atualmente, estes aparelhos são muito mais fiáveis do que os esfigmomanómetros antigos com estetoscópio para ouvir os batimentos cardíacos. Os preços desceram e alguns locais oferecem condições especiais de compra.

O que poderei esperar ao olhar para o futuro?

A monitorização da pressão arterial no domicílio irá tornar-se ainda mais fácil no futuro. Pequenos circuitos integrados colados na pele sobre uma artéria do braço irão registar confortavelmente a sua pressão arterial. As medições irão ser automaticamente descarregadas para um smartphone ou outro dispositivo.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: