Colonoscopia

Fonte:

 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

Adaptação Científica:

Drª.Carolina Vaz Macedo

Validação Científica:

Prof. Carla Rolanda

O que é?

A colonoscopia total é um exame da totalidade do cólon, isto é, do intestino grosso. A colonoscopia total é semelhante a outro tipo de exame denominado rectossigmoidoscopia (ou colonoscopia esquerda), que permite observar apenas a última parte do cólon. Para realizar uma colonoscopia, o médico utiliza um aparelho denominado colonoscópio, que é um tubo flexível com uma pequena câmara e uma luz na extremidade. Usando tecnologia de fibra óptica e um pequeno chip, o colonoscópio transmite as imagens para um ecrã de vídeo à medida que percorre o interior do cólon.

Durante a colonoscopia, o médico pode avaliar o cólon para verificar a presença de massas anormais denominadas pólipos, de zonas de hemorragia e de outros problemas, tais como uma colite (inflamação do cólon). O procedimento pode demorar uma hora e é realizado numa sala especial de endoscopia ou na área ambulatória de um hospital. Embora o colonoscópio seja lubrificado e muito flexível, o doente poderá ser ligeiramente sedado para minimizar o desconforto. Dependendo das condições do local onde a colonoscopia seja realizada e da disponibilidade de presença de um anestesista, poderá ainda existir a opção de uma sedação mais profunda, em que a pessoa não terá memória do exame.

Leia o resto deste artigo »

Anúncios

Doença do refluxo gastro-esofágico (DRGE)

Fonte:

 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

 

Adaptação Científica:

Carolina Vaz Macedo

Validação Científica:

Prof. Carla Rolanda

O que é?

A doença do refluxo gastro-esofágico (DRGE) é uma doença do aparelho digestivo que envolve o esófago, o tubo que transporta os alimentos da boca para o estômago.

Na DRGE, o ácido e as enzimas digestivas do estômago refluem para o esófago, sendo este fluxo retrógrado do suco gástrico denominado “refluxo”. Os sucos gástricos inflamam o revestimento do esófago provocando azia e outros sintomas. Se a DRGE não for tratada pode lesar permanentemente o esófago.

Um anel muscular chamado “esfíncter esofágico inferior” separa o esófago do estômago e, normalmente, apenas se abre quando engolimos, permitindo a entrada dos alimentos no estômago. Durante o resto do tempo, o esfíncter mantém-se contraído para evitar que os alimentos e o ácido do estômago recuem para o esófago.

Leia o resto deste artigo »