Um estudo questiona o nível ideal de sódio

Fonte:

Tradão e Edição de Imagem Científica:

Um estudo recente sugere que tanto os níveis elevados como relativamente baixos de sódio podem ser prejudiciais para algumas pessoas. Este é um de poucos estudos publicados recentemente que questionam se uma dieta com um nível baixo de sódio é melhor para todas as pessoas. Este estudo recente incluiu 30.000 pessoas, algumas delas com doença cardíaca ou arterial. Outras apresentavam um risco elevado de desenvolver este tipo de doenças. Os investigadores avaliaram a quantidade total de sódio eliminado na urina durante um período de 24 horas. Este cálculo foi utilizado para estimar a quantidade de sódio que ingeriam por dia. Os investigadores vigiaram estas pessoas durante os quatro anos seguintes. A maior parte das mortes relacionadas com o coração e dos internamentos hospitalares por insuficiência cardíaca ocorreram nas pessoas com os níveis mais elevados e mais baixos de sódio na urina. As pessoas com sódio elevado tinham igualmente mais ataques cardíacos e acidentes vasculares cerebrais. As pessoas com um nível médio de sódio apresentavam menos problemas. Mas muitos dos indivíduos do grupo com sódio mais baixo ainda consumiam mais sódio do que o recomendado. O Journal of the American Medical Association publicou o estudo e a HealthDay News escreveu sobre ele. Os especialistas salientaram à HealthDay News que as pessoas incluídas no estudo já pertenciam a um grupo de alto risco, pelo que estes resultados podem não se aplicar a todas as pessoas.

Leia o resto deste artigo »

Anúncios

Estudo: Os comprimidos para a pressão arterial administrados ao deitar são melhores

Fonte: 

Tradão e Edição de Imagem Científica:


Um estudo recente sugere que a administração de medicamentos para a pressão arterial à noite pode melhorar a saúde das pessoas. O estudo incluiu 661 doentes com insuficiência renal e com pressão arterial elevada. Os doentes foram distribuídos aleatoriamente por dois grupos. Um grupo tomou medicamentos para a pressão arterial de manhã e outro tomou pelo menos um dos medicamentos à noite. Em seguida, os médicos vigiaram os indivíduos durante uma média de cinco anos e meio. Durante esse tempo, as pessoas que tomaram o medicamento à noite apresentavam um melhor controlo da pressão arterial. Eles revelaram igualmente uma probabilidade de cerca de um terço de sofrerem um ataque cardíaco ou um acidente vascular cerebral ou de desenvolverem insuficiência cardíaca em comparação com os indivíduos que tomaram os comprimidos de manhã. Os investigadores salientaram que estes resultados ocorreram sem custos suplementares. O Journal of the American Society of Nephrology publicou o estudo na Internet e a HealthDay News escreveu sobre ele em 24 de outubro.

Leia o resto deste artigo »

Noticias de Investigaçao em Saude: O Potássio Baixo é Perigoso com o Excesso de Sal!

Fonte: 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

 



Um estudo recente constatou que o consumo excessivo de sal aumenta o risco de ataque cardíaco, especialmente se uma pessoa não ingerir potássio em quantidade suficiente.O estudo começou com um inquérito realizado a mais de 12.000 adultos americanos. Foi-lhes pedido para apresentarem uma lista do que tinham comido no dia anterior. Em seguida, os investigadores seguiram essas pessoas durante 14 anos. Durante esse período, 433 tinham falecido com ataques cardíacos. Os investigadores dividiram os resultados do inquérito em dois grupos. Um grupo tinha ingerido uma quantidade excessiva de sódio e reduzida de potássio. O outro grupo ingeriu aproximadamente as mesmas quantidades de cada uma destas substâncias. As pessoas do primeiro grupo apresentavam uma probabilidade duas vezes superior de sofrerem ataques cardíacos em comparação com as do segundo grupo. O sal constitui a principal fonte de sódio para a maior parte das pessoas. A ingestão de quantidades excessivas de sódio também aumentou o risco nas pessoas que ingeriram potássio suficiente. As pessoas que ingeriram 5 gramas de sódio por dia apresentavam uma probabilidade duas vezes superior de sofrerem um ataque cardíaco em comparação com as que ingeriram 2 gramas.

Cinco gramas correspondem a mais de duas colheres de chá de sal e representam aproximadamente o consumo médio americano. Dois gramas de sódio situam-se próximo da quantidade máxima diária recomendada. A revista Archives of Internal Medicine publicou o estudo. A Associated Press escreveu sobre ele em 12 de Julho.

Qual é a reacção do médico?
A dieta americana média inclui uma quantidade excessiva de sódio e muito reduzida de potássio. Uma dieta que permita corrigir este desequilíbrio pode melhorar as suas probabilidades de viver durante mais tempo. Esta medida irá, antes de mais, diminuir o risco de morte relacionada com o coração e com a doença coronária.

Uma comunicação médica recente sugeriu que uma dieta com um teor elevado de sódio pode não ser tão prejudicial como se pensava. Mas muitos outros estudos médicos bem executados mostram claramente os riscos para a saúde de uma dieta com um conteúdo elevado de sódio. Um estudo recente publicado na revista Archives of Internal Medicine vem apoiar os perigos do sódio.
Leia o resto deste artigo »

Como comprar alimentos? Costuma ler os rótulos e ter atenção à validade dos produtos?

Fonte:

Tradão e Edição de Imagem Científica:

 

Adaptação Científica:

Dr. André Carvalho

Validação Científica:

Prof. António Vaz Carneiro

Leia o artigo aqui:

Comprar Alimentos

Aprender quais são os alimentos saudáveis constitui metade da batalha. A outra metade é saber como os comprar. A regra principal é escolher uma variedade de alimentos para garantir que obtém quantidades suficientes de nutrientes e de substâncias que combatem as doenças. Mas, mesmo os compradores bem informados podem ficar confusos ao vaguear entre todas as opções do mercado, descodificando os rótulos dos alimentos e desbravando as afirmações publicitárias nas suas embalagens. Eis um guia simples e lógico para separar as verdades das meias verdades, bem como para determinar quais as frutas, os vegetais, a carne e o peixe que são mais frescos e mais saudáveis.

Leia o resto deste artigo »