Sabia que o padrão de exposição solar parece afectar o risco de desenvolvimento de melanoma?

Fonte: 

Tradão e Edição de Imagem Científica:

Adaptação Científica:

Dr. André Carvalho

Validação Científica:

Dr. Ricardo da Luz

Faça o Quiz aqui: Questionário sobre Melanoma

Leia o artigo aqui:

Melanoma

O melanoma é um cancro nas células que dão cor à pele e ocorre quando estas células se modificam e se dividem de forma agressiva. O número de casos de melanoma, o mais mortífero entre os cancros da pele, está a aumentar muito mais rápido do que qualquer outro cancro.

Os médicos não têm a certeza do motivo pelo qual as taxas de melanoma são crescentes, mas a diminuição da camada de ozono, que absorve muita da radiação solar nociva, e a maior exposição da pele ao sol em actividades ao ar livre, poderá justificar este facto.

Leia o resto deste artigo »

Anúncios

Edição da Manhã, SIC Notícias: Cancro da Mama pelo Prof. Luís Costa

Prof. Luis Costa

O Prof. Luís Costa, Consultor científico do Programa Harvard Medical School-Portugal/Sociedade Portuguesa de Oncologia, esteve no programa Edição da Manhã, da SIC Notícias, para falar sobre o Cancro da Mama, em antecipação ao Dia Nacional da Prevenção do Cancro da Mama, assinalado no dia 30 de Outubro.

Veja o vídeo aqui:

Veja também o artigo: O que é o Cancro da Mama?

Faça o Quiz aqui: Questionário sobre o Cancro da Mama

Qual é a diferença entre tumor e cancro?

Prof. Luis Filipe Silva

Oiça, em 1 minuto, o áudio sobre Cancro pelo Prof. Luis Filipe Silva: Qual é a diferença entre tumor e cancro?

Leia o artigo aqui:

 

 

Há sempre uma grande confusão entre estes dois termos e é muito importante saber distingui-los, porque o seu significado clínico é muito diferente.

 

Um tumor é uma massa anormal de células que se forma no corpo, e que pode ter várias localizações (no fígado, na mama, no cólon). Forma-se a partir de uma única célula (entre os biliões de células que constituem o corpo), e inicia-se quando ela sofre uma alteração genética no seu DNA. Um acontecimento raro e imprevisível interfere com a molécula de DNA, modifica-a, e dá à célula a capacidade de se multiplicar rapidamente, mais do que as suas células vizinhas. Esta nova formação – Neoplasia – caracteriza-se por uma multiplicação celular anormal em que as células perdem a sua capacidade de diferenciação.

Leia o resto deste artigo »